Posse das Comissões Permanentes

As oito Comissões Permanentes da AML tomam posse no dia 14 de dezembro às 18.00.

Assembleia Municipal de Lisboa
*
resumo de notícias
Lisboa e os seus transportes
16-12-2015 AML com Dinheiro Vivo

O Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, José Mendes, visitou esta quarta-feira, dia 16 de Dezembro, as empresas Metropolitano de Lisboa, Carris, Transtejo e Soflusa, reunindo ainda com os trabalhadores e as administrações destas empresas.
Recorde-se (aceda a resumo no corpo da notícia) que Câmara e a Assembleia Municipal de Lisboa têm vindo a lutar por travar a privatização do Metro e da Carris desde que o anterior Governo aprovou, a 26 de Fevereiro de 2015, a sua subconcessão.

José Mendes avançou esta manhã que a reavaliação e redefinição do futuro das empresas de transporte “não é algo que se faça em menos de um par de meses”.
O governante falava aos jornalistas à saída de uma reunião com a comissão de trabalhadores e sindicatos do Metro de Lisboa, depois de visitar as oficinas do complexo de Carnide da mesma empresa. “Em relação às subconcessões, ainda está em estudo. Naturalmente que as empresas são diferentes pelo que pode acontecer que tenham soluções diferenciadas”, disse o secretário de Estado depois de questionado sobre a reversão das subconcessões e a estratégia futura para o Metro de Lisboa, Metro do Porto, STCP ou Carris.

“As empresas estão a funcionar, têm administrações, não estão paradas. Vamos ver o que acontece daqui para a frente”, comentou ainda. Sobre as exigências que os trabalhadores têm vindo a apresentar, nomeadamente ao nível do reforço dos quadros de pessoal, José Mendes disse apenas que o governo “está a trabalhar nessas matérias”.

Quanto a prazos, o secretário de Estado apontou ser difícil identificar uma data específica, assegurando contudo que a decisão sobre o modelo a adoptar para as empresas de transportes “não é algo que se faça em menos de um par de meses”. “Hoje porém não foi isso que esteve em causa. Hoje o que esteve em causa foi o contacto com as pessoas, trabalhadores e administração, conhecer os problemas e as coisas boas que existem nestas empresas para que as tutelemos melhor e tomemos melhores decisões”, explicou sobre os encontros que realizou ao longo desta quarta-feira.

Além da ida ao Metro de Lisboa, José Mendes agendou visitas à Carris, Transtejo e Soflusa para hoje, devendo deslocar-se a Norte sexta-feira.

Pelos Trabalhadores

Anabela Carvalheira, da Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans), saudou a reunião dos representantes dos trabalhadores com o secretário de Estado, reiterando que este segundo encontro mostra “a continuação da entrada numa nova era, de diálogo, cordialidade e respeito pelos trabalhadores”.

À saída do encontro com José Mendes, a dirigente da Fectrans explicou que “os últimos anos foram marcados pela falta de diálogo” entre governo e estruturas representativas dos trabalhadores, tendo sido essa uma das mensagens transmitidas ao novo governante.

“Foi uma reunião de cordialidade, onde demos nota das nossas preocupações, como a falta de diálogo dos últimos anos.” Quanto a reivindicações e exigências, só estarão em debate a partir de 15 de janeiro.

Anabela Carvalheira explicou que a reunião já agendada entre ministério e representantes dos trabalhadores dos transportes de 15 de janeiro foi hoje reconfirmada e será aí a sede própria para começar a resolver questões pendentes. “Na reunião de dia 15 teremos já uma discussão séria e credível para negociação”, detalhou. Ainda nas preocupações já manifestadas ao governo, a dirigente apontou que nas “áreas operacionais” do Metro de Lisboa “há grande necessidade de contratar novos trabalhadores”, algo que será devidamente abordado “com o tempo, na continuação deste diálogo”.

Notícias sobre posições da AML e CML
Programa da visita de hoje

09h00 - Visita às Oficinas do Complexo de Carnide do Metropolitano de Lisboa
10h00 - Reunião com Comissão de Trabalhadores e Sindicatos do Metropolitano de Lisboa
11h30 - Visita ao Centro de Comando de Tráfego da Carris no Complexo de Miraflores
(Alameda António Sérgio, 62 Lisboa)
12h00 - Reunião com Comissão de Trabalhadores e Sindicatos da Carris
15h00 - Visita ao Terminal Fluvial do Cais do Sodré, Transtejo
15h30 - Reunião com Comissão de Trabalhadores e Sindicatos da Transtejo e Soflusa
16h30 - Fim da Visita